Marcelo Beltrão volta a ser cotado para a Secretaria de Educação

Não é a primeira vez que isso acontece no atual mandato de Renan Filho, mas agora o nome do deputado Marcelo Beltrão volta com força como “candidato da Assembleia” à Secretaria de Educação.

Entre os parlamentares governistas, o nome do colega do MDB é visto com simpatia geral, em contrapartida a Luciano Barbosa, o tecladista silencioso.

Beltrão, de fato acumula experiência na área: já foi secretário municipal de Educação em dois municípios – na verdade, três, contando com Jequiá da Praia, onde ele foi prefeito –, além de presidir a Undime (União dos Dirigentes Municipais de Educação), sempre apresentando bons números.

E dentro do Palácio?

A mudança seria bem-vinda para praticamente todo o entorno de Renan Filho, só que Barbosa tem um padrinho poderoso, que o garantiu na vive e na pasta: o senador Calheiros, a quem o ex-prefeito de Arapiraca professa uma lealdade sagrada.

Os deputados, no entanto, acham que o momento da substituição na Educação chegou, com a fragilização de Barbosa, alvo – na prática – de duas operações da PF.

E ninguém por lá duvida: vem mais por aí.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOP